Rewind

quarta-feira, 17 de julho de 2013

céu dos teus olhos|

Vovó,

Hei de voltar inteiro ao céu azul dos teus olhos
E neles descobrir o tempo sem medida e sem distância
Hei de voltar inteiro ao céu azul dos teus olhos
E neles descobrir o sonho sem chão e essa infância

Hei de voltar inteiro ao céu azul dos teus olhos
E ter do mar o beijo das tardes dentro do fogo do Estio
Hei de voltar inteiro ao céu azul dos teus olhos
E descobrir na pele bem fundo o arrepio

Hei de voltar inteiro ao céu azul dos teus olhos
E ter de ti o agasalho da noite e do caminho
Hei de voltar inteiro ao céu azul dos teus olhos
E nunca ter de caminhar sozinho

Hei de voltar inteiro ao céu azul dos teus olhos
Para sempre aí por ti ir procurar
Hei de voltar inteiro ao céu azul dos teus olhos
E ficar neles sorrindo a ver o mar

RM 
Enviar um comentário