Rewind

segunda-feira, 29 de julho de 2013

teu corpo|

Que minha boca te não gaste o corpo
Se nos meus beijos o fogo se acende e então alastra
Que teu corpo seja na noite funda que começa
O chão do sonho sem tempo e sem medida
E isso basta

RM
Enviar um comentário