Rewind

domingo, 7 de abril de 2013

não venhas tarde|

Não venhas tarde
Porque estás anunciada na tarde que desliza no céu através dos vidros

Não venhas tarde
Porque está escrito teu nome nas árvores que tremem no vento que passa

Não venhas tarde
Porque te chamam meus lábios com este princípio de chama

Não venhas tarde
Porque sobe o teu nome no nevoeiro de cinza que se adensa

Não venhas tarde
Porque ouço teus passos na escada deserta

Não venhas tarde
Porque o jardim floriu para te ver passar

Não venhas tarde
Não quero percorrer sozinho esta alameda

Onde a saudade é sombra no caminho
Quando não vens.

RM
Enviar um comentário