Rewind

sexta-feira, 19 de abril de 2013

por te rever|

Por te rever
Trazendo no olhar o sorriso da tarde
Regressam as horas longas, os oceanos infinitos
E a cal da areia onde te vejo chegando

Por te rever
Trazendo no olhar o sorriso da tarde
Regressam teus dedos como nós, os pássaros em bando soluçando
Enquanto estamos sós

Por te rever
Trazendo no olhar o sorriso da tarde
Regressam aos tanques as imagens acesas, o feno suave balouçando
Enquanto derrotamos incertezas

Por te rever
Trazendo no olhar o sorriso da tarde
Regressam nossos corpos ao espaço ausente, a luz boiando na cidade
Enquanto te sinto presente.

RM   
Enviar um comentário